playlist

Se meu amigo de infância Alexandre Dezem Bertozzi morasse nos EUA, seria reconhecido pela devida capacidade técnica, contratado a peso de ouro para estudar vulnerabilidades em satélites a serviço do governo norte-americano, ou instituições/organizações governamentais e não governamentais. Pois movido pela pesquisa, ao desenvolver técnica envolvendo telecomunicação (sem intenção maligna e/ou destrutiva), inevitavelmente captou sinais do satélite militar norte-americano. E durante os testes, de transmissão TX e recepção RX, acabou executando troca de mensagens. Sem enxergar a dimensão do ato, a informação inocentemente se espalhou no mundo técnico.

Mas infelizmente ele está no Brasil, onde a tecnologia e inovação não tem o seu devido valor. A consequência foi sua condenação no valor de R$ 10.000,00. Como ele não possue recurso, eu não consigo ficar inerte a situação e lanço uma a campanha para ajudá-lo no pagamento da multa.

Pois uma pessoa como o Alexandre, extremamente inteligente e sempre disposto ajudar as pessoas com o seu talento, deve no mínimo ser reconhecido pelas pessoas do bem que não conseguem apenas ficar indignadas, e sim faz acontecer para um mundo melhor.

Para ajudar e obter mais detalhes sobre a campanha , clique no link abaixo.

Ajudar o ADB(1)