You are currently browsing the category archive for the ‘Dicas Linux’ category.

Firefox2017

Como membro Mozillians  tenho a obrigação de compartilhar os diferenciais e recursos recém lançado do navegador Firefox, sendo assim disponibilizo uma dia que veio em mente conversando em um jantar com  CARLOS MARTINS VALEU, esta dica tem como objetivo ajustar e/ou habilitar o esperado recurso para multiprocessamento no Firefox, em alguns casos desabilitado em função de algumas extensões instaladas no navegador.

1 –  Digite na URL about:support e verifique a opção JANELAS MULTIPROCESSO.

2 – Caso desabilitado, digite na URL about:config e edite e/ou verifique as opções:

browser.tabs.remote.autostart = true
(Altere o valor para Verdadeiro)

dom.ipc.processCount > 1  
(Altere o valor para um número maior que 1, no meu caso utilizei 4)

E Pronto! Vale a pena mencionar que a decisão fica única e exclusivamente para o usuário, pois quanto mais processos maior o consumo computacional.

Dia 1º de junho, a Eoke promoveu no espaço Google Campus, aconteceu o “Dados Abertos Sobre a Saúde no Brasil”. O evento abriu o diálogo sobre a utilização da tecnologia para o entendimento e formulação de políticas públicas utilizando dados disponíveis sobre a saúde brasileira. No evento participou diversos profissionais (tecnologia e saúde), como também o Ministro da Saúde e Vice-presidente da Google Inc. e diretor-geral do Google Brasil. A seguir o vídeo da minha participação no painel tecnologia, saúde e start ups mencionando sobre a tecnologia Open Life Log para estudo e interpretação em tempo real de doenças degenerativa e não-degenerativas.

youtube

Assista também a sessão de perguntas e respostas sobre inteligência artificial AQUI!

 

Feliz dia do orgulho NERD…

memorianerd

ransomware-protecao

Em aproximadamente 20 minutos, criei um utilitário simples que desabilita o SMBv1. Assim minimizando o problema do Ransomware. NÃO SOU GENIAL, o programa não ultrapassa 90 linhas. Ele apenas via registro do Windows faz a tarefa que usuários leigos supostamente teria dificuldade.

A pedido de alguns leitores, elaboro este post para proporcionar uma maneira mais simples de como utilizar o programa NoWannaCry (além de gratuito, também está disponível o seu código fonte) para fechar a possibilidade de entrada do Ransomware em função da vulnerabilidade do SMBv1. Toda operação consiste na execução do programa com um clique.   Disponível para download no link abaixo:

https://sourceforge.net/projects/owasp-zap-live-cd/files/nowannacry/nowannacry.exe/download

Mais informações : https://assuntonerd.com.br/nowannacry/
Código Fonte: https://github.com/cabelo/nowannacry

Os motivos são diversos, para alguns usuário não desejar efetuar a atualização. Então ao invés de ficar me gabando e mencionando que não pego vírus e por usar Linux, resolvi tirar a POEIRA da minha maquina virtual XP e escrevi um software que desabilita o antigo e agora famoso SMBv1. O utilitário NoWannaCry desativa o protocolo SMBv1 sem a necessidade de entrar nas configurações do Windows (pois altera o registro do Windows). Para obter instruções de download e código fonte, clique no link: https://assuntonerd.com.br/nowannacry/

ransoware

nowan

passo00.png
As atuais canetas Stylus for Yoga ( 2 em 1 ) possuem certa sensibilidade à pressão. Ou seja, o equipamento entende quando eu pressionamos a caneta mais ou menos força, proporcionando um controle extraordinário sobre pinceladas em programas de desenho. Deixo aqui uma dica rápida de como configurar no GIMP.

1 – Entre no EDITAR do menu principal e selecione o item PREFERÊNCIAS.

passo01

2 – Após selecione o item DISPOSITIVOS DE ENTRADA e pressione o botão CONFIGURAR DISPOSITIVO DE ENTRADA ESTENDIDOS.

passo02

3 – Agora selecione o DISPOSITIVO DESEJADO e troque o modo DESLIGADO para TELA.

passo03

4 – Em ferramentas podemos selecionar o tipo do pincel e a respectiva matriz de mapeamento.

passo04

A seguir o resultado do GIMP recém configurado no openSUSE Linux.

owaspzap

Disponível uma imagem Live CD baseada no openSUSE que proporciona a ferramenta Owasp Zed Attack Proxy (ZAP), ou seja uma ferramenta integrada de fácil utilização em testes de penetração para encontrar vulnerabilidades em aplicações WEB.

A ferramenta desempenha uma variedade de testes, incluindo escaneamento de portas, ataque de força bruta e fuzzing, tudo parUma vez tendo navegado e desempenhado atividades em um site, ele usa o ZAP para visualizar o código e outros processos realizados durante essas atividades. Quando configurado como um servidor Proxy, o OWASP ZAP controla o tráfego da web que processa. “Essa ferramenta é mais nova que a Burp Suite. Não é tão rica, mas é gratuita e de código aberto. Ela fornece um conjunto de funcionalidades e uma interface gráfica que são úteis para as pessoas novatas nos testes de penetração”, defende Payer.a identificar códigos maliciosos.

Mais informações e Download, AQUI!

google2017

Dia 17  de maio de 2017 acontecerá a Google I/O Extended para várias cidades do mundo. São Paulo será uma delas. Além de assistir às principais palestras transmitidas ao vivo, você poderá participar de atividades focadas no ecossistema local de desenvolvedores.  Uma das atividade é a abertura do evento com a palestra que ministrarei: IoT e Software Livre a serviço da humanidade.

Na palestra menciono técnicas de visão computacional, machine/deep learning, no qual podemos atribuir inteligência aos devices de vídeo captura. No outro norte, com a popularização de equipamentos voltado ao segmento de neuro tecnologia podemos trabalhar com neurolinguística. Então veremos nesta apresentação que o futuro chegou, realidade aumentada, biometria, neuro tecnologia são ingredientes para projetos inovadores usufruir o conceito IoT.

500px-Heroes_logo

Este post foi criado, em função do amigo Thiago Sartori Costa, que acaba de entrar no mundo Verde da Força. Para facilitar a vida de TODOS novos usuários que acabam de ingressar-se no mundo openSUSE, onde acredito existir várias dúvida como: Qual cliente de email? Reprodutor MP3? Player de Video? Editor de Vídeos não linear?

A seguir o botão 1-click Install. que resolver estes questionamentos,  pois este botão instala os primeiros softwares principais para a tarefa do dia a dia como: o cliente de email  Thunderbird, VLC, MPV, Codecs proprietários  e editores de vídeos. Qualquer dúvida em cabelo@opensuse.org

No canal Linux para Crianças do Gui, vejam como instalar o Forge no Minecraft. O Forge é o primeiro passo para a instalação de Mod no game, este programa é, na verdade, um conjunto de arquivos especiais que prepara o Minecraft para aceitar certos mods, de forma semelhante ao também famoso ModLoader. Em resumo, sem ele, seu

Arquivo

Statísticas

  • 566,621 Acessos

ATENÇÃO!

 °v° USE A FORÇA,
/(_)\ LEIA OS FONTES !
 ^ ^

openSUSE 11.4