Notícia do Ano: Módulo da NVIDIA opensource!

A NVIDIA acaba de publicar o módulo do kernel da GPU para o Linux com código aberto sobre a licença GPL/MIT. Após a versão R515, o código fonte está disponível no github https://github.com/NVIDIA/open-gpu-kernel-modules.

Para mim o ano já acabou de notícias boas, pois esta versão é um passo significativo para o mundo de visão computacional no sistema operacional GNU/Linux, assim trazendo uma maior integração com o sistema operacional e com os desenvolvedores da comunidade para contribuírem de volta.

Para provedores de distribuição Linux, os módulos de código aberto aumentam a facilidade de uso, como também melhorar a experiência de distribuição do driver da GPU NVIDIA. A Canonical e a SUSE são capazes de empacotar imediatamente os módulos de kernel abertos com o Ubuntu e SUSE Linux Enterprise Distributions.

Os desenvolvedores terão total transparência do código, isto ajudará a melhorar ainda mais a qualidade e a segurança do driver da GPU NVIDIA. A cada lançamento do driver, a NVIDIA compartilhara o código-fonte no GitHub . Os patches enviados pela comunidade são revisados e, se aprovados, integrados em uma versão futura do driver.

Funcionalidade compatível
A primeira versão dos módulos de kernel da GPU opensource é R515. Será disponibilizado o código-fonte com suas versões completas e empacotadas dos drivers.
Nesta versão de opensource, o suporte para GPUs GeForce e Workstation encontra-se na versão alfa. O modulo do kernel opensource funciona com o mesmo firmware mas devendo obedecer o número da versão.

Opção de instalação
A versão R515 contém versões pré-compiladas do driver de código fechado e dos módulos de kernel de código aberto. O usuário pode fazer a escolha no momento da instalação de qual módulo instalar.A NVIDIA tem trabalhado com Canonical, Red Hat e SUSE na melhor prática de empacotamento, implantação e suporte.

SUSE
“Nós da SUSE estamos animados que a NVIDIA está lançando seu driver de modo kernel de GPU como código aberto. Este é um verdadeiro marco para a comunidade de código aberto e computação acelerada. A SUSE se orgulha de ser a primeira grande distribuição Linux a oferecer esse avanço com o SUSE Linux Enterprise 15 SP4 em junho. Juntos, a NVIDIA e a SUSE potencializam suas necessidades de computação acelerada por GPU em nuvem, data center e borda com uma cadeia de fornecimento de software segura e excelência em suporte.”

Markus Noga, Gerente Geral, Business Critical Linux na SUSE

Mais informações no site original: https://developer.nvidia.com/blog/nvidia-releases-open-source-gpu-kernel-modules/

Bora testar!

Pix2Seq: Nova interface de linguagem para detecção de objetos

A detecção de objetos é uma antiga do setor de visão computacional tem o objetivo de reconhecer e localizar todos os objetos de interesse em uma imagem. A complexidade é enorme em diversos aspectos.

Conforme descrito no paper, é possivel incorporar o conhecimento prévio específico da tarefa com uma técnica de aumento de sequência. Assim surgiu o projeto “Pix2Seq: A Language Modeling Framework for Object Detection”, publicado na ICLR 2022, foi proposto / apresentamos um método simples e genérico que trata a detecção de objetos de uma perspectiva completamente diferente comparado a tudo que conhecemos até o presente momento. Ao contrário dos projetos existentes que são específicas da tarefa, foi proposto a detecção de objetos como uma tarefa de modelagem de linguagem condicionada às entradas de pixel observadas.

Os resultados demonstrados pelo projeto Pix2Seq são animadores e competitivos ao projetos/algoritmos de detecção altamente especializados e bem otimizados existentes. O desempenho do Pix2Seq pode ser melhorado ainda mais com o pré-treinamento de dataset de objetos maior. O projeto foi disponibilizado para comunidade de desenvolvedor/pesquisadores no link : https://github.com/google-research/pix2seq

Conceito do Pix2Seq

A tecnologia é baseada na intuição se uma rede neural sabe onde e quais são os objetos em uma imagem. ( Veja na imagem de teste acima, a dedução de um controle remoto e um copo em minhas mãos ). Durante o aprendizado, o modelo pode aprender a fundamentar as descrições em observações de pixels, levando a representações úteis de objetos. Ao submeter uma imagem, o modelo Pix2Seq gera uma sequência de descrições de objetos, onde cada objeto é retornado usando cinco parâmetros: as coordenadas da região de interesse [ymin, xmin, ymax, xmax] e um rótulo de classe de objetos.

O Pix2Seq propõe uma quantização e serialização que converte as regiões de interesse e nome da classe em sequências de tokens discretos (semelhantes a legendas) e dispara uma arquitetura de codificador-decodificador para entender as entradas de pixel e gerar a sequência de descrições de objetos.

Em breve mais novidades.

lama: Rápida Convolução de Fourier.

Um modelo neural chamado LaMa (grande mascara em Pintura) que remove parte da imagem selecionada por máscaras irregulares. Usando Robusta e rápidas convolução de Fourier, um princípio computacional que obtêm a percepção do campo para ser preenchido com uma consistência visual incrível.

O resultado é surpreendente, pois o modelo interpreta e cria um novo campo preenchido pro predição visual. Este modelo pula as previsões intermediarias para obter os resultados em apenas uma única etapa. A técnica adquire todo o contexto da imagem utilizando Rápida Convolução de Fourier, assim utilizando informações de todas as partes da imagem para preencher a mascara sob a imagem.

Sistemas modernos similares sofrem com grandes áreas ausentes, estruturas complexas e alta resolução. Esta técnica propões um novo método, baseado em uma nova arquitetura de rede de pintura com Rápida Convolução de Fourier. Esta rede se encontra no estado da arte e alcança um desempenho formidável mesmo em cenários desafiadores.

Paper: https://arxiv.org/abs/2109.07161

Fontes: https://github.com/cabelo/lama

Metaverso no setor Agrícola

No estilo Metaverso (Avatar, contatos virtuais e outros) podemos ter uma lavoura de grãos onde utiliza diversos recursos e conta com máquinas de gigantes como Case IH, New Holland, John Deere, Massey Ferguson, Valtra e outras para plantar e colher.

Metaverso”, terminologia para um universo virtual no qual as pessoas vão interagir entre si por meio de avatares digitais. Embora o termo tenha se popularizou, muitas iniciativas criou um universo digital para a interação entre jogadores e com a presença de um imersão realistas. O lançamento do Farming Simulator 22 é um exemplo prático. Este projeto baseia-se na rotina do agronegócio, assim proporcionando ensinamento e simulação.

O projeto permite operar isoladamente ou em conjunto, onde o objetivo é dividir os espaços, escolher o negócio adequado, e se atentar aos desafios gerados pelos ciclos sazonais e o clima do planeta.

NERF – Campo de Radiância Neurais

Esta tecnologia é impressionante apresentada pela NVIDIA, Neural graphics primitives (NeRF) reconstrói cenas 3D a partir de imagens 2D. A técnica utiliza a predição do campo de radiância , ou seja, prevendo a cor da luz que irradia em qualquer direção. Segundo a NVIDIA este princípio computacional é a mais rápida até o presente momento. Assim proporcionando um tempo 1000x menor com renderizações em 1080p em insignificantes milissegundos.

Principais evoluções:

  • utilização uma determinada GPU para a tarefa do algoritmo de renderização/treinamento, que são muito mais rápidos do que tensores densos;
  • uma eficaz pequena rede neural, mais rápida do que rotinas de multiplicação de matriz de em geral;
  • e por último, tecnica da NVIDIA (codificação de grade de hash multiresolução), e disponibiliza uma melhor velocidade/qualidade comparado as outras técnicas.

NeRF utiliza a lib CUDA Toolkit e a biblioteca Tiny CUDA Neural Networks. O código fonte esta disponível nesta página; de acordo com a NVIDIA, a rede neural é leve o suficiente para rodar facilmente em uma única GPU.

Desfile de moda no Metaverso ocorreu entre 24 e 27 de março

A Decentraland que movimenta compra e venda de terrenos, agora proporcionou um desfile de moda de grandes grifes entre os dias 24 e 27 de março. O Fashion Week ganhou uma versão virtual e imersiva. O espaço recebeu várias marcas, e claro com comercialização de NFT de roupas e acessórios presente nos desfiles. Existe possibilidade de compra de produtos para o mundo virtual e físico, como jaquetas, moletom e outros. A tendência deste mercado é movimentar 50 bilhões de dólares até 2030, segundo a instituição financeira Morgan Stanley.

Meetup 02 – Rodeio Cloud Festival

Como membro da iniciativa AWS UserGroup Interior, venho convidar todos do Interior de SP Bebedouro, Araraquara, Sorocaba, Ribeirão Preto e outros municípios para participar do Rodeio Cloud Festival.

Seguindo a tradição de “nóis capota mas não breca!”, estamos divulgando nossa agenda do segundo encontro.


19:00 – Abertura e recados
19:10 – Case Tereos na AWS – Jota Sousa
20:05 – Rote AWS – De Bebedouro para o mundo! – Alessandro Cabelo
Nesta apresentação conheceremos a Tecnologia Certiface que nasceu em Bebedouro para proteger a humanidade contra os crimes de fraude utilizando a tecnologia de reconhecimento e biometria facial. Uma tecnologia que nasceu On-premises e teve sua trajetória e evolução utlizando Colocation em Bebedouro, Colocation na UOL Diveo e finalmente AWS para atender todo planeta.

Conheça mais dos nossos palestrantes:
Jota – https://www.linkedin.com/in/jjota
Cabelo – https://www.linkedin.com/in/alessandro-cabelo

INSCRIÇÃO AQUI!

https://www.meetup.com/pt-BR/aws-user-group-sp-interior/events/284492436/

ZAPCon 2022 Não percam!

Como membro do time OwaspZAP, tenho o prazer de convidá-los ao ZAPCon 2022 que acontecerá no dia 08 e 09 de Março. Este evento virtual é todos os usuários de ZAP e aqueles que desejam aprimorar a seguranças de suas soluções.

Em um fuso horário diferente? Sem problemas. Todas as palestras e workshops do ZAPCon serão gravados, para que você possa assisti-los após a live, no seu próprio ritmo, desde que esteja registrado no ZAPCon.

O tema deste ano para o ZAPCon é ‘Leveling Up’. Mas o que isso realmente significa? Subir de nível é fazer mais com o ZAP.

Se você está apenas começando ou tem experiência com a ferramenta, o ZAPCon o ajudará a fazer mais. Abordaremos tópicos para casos de uso críticos (como automação, testes de segurança de APIs e execução de ZAP em escala) para que os usuários possam se sentir mais confiantes em suas habilidades.

Mas há muito mais que Leveling Up implica. O ZAPCon deste ano lançará as bases para uma comunidade mais forte, uma ferramenta mais robusta e uma base de usuários mais engajada.

https://hopin.com/events/zapcon

Primeiro AWS UserGroup Interior

Como membro da iniciativa AWS UserGroup Interior, venho convidar todos do Interior de SP Bebedouro, Araraquara, Sorocaba, Ribeirão Preto e outros municípios para participar do Rodeio Cloud Festival.

Agora engataremos em nossos meetups mensais sempre trazendo uma palestra de qualidade e relevância. E neste primeiro encontro, contaremos com a programação abaixo:

19:00 – Abertura
19:20 – AWS 101 – Por onde começar! – Flávio Rescia – CTO da Darede / Cofundador da Escola da Nuvem
20:00 – Como fintech do interior transaciona R$1bi/ano com arquitetura 100% serverless. – Rafael Vicentini – Head de Tecnologia da MaisTODOS
20:50 – Encerramento

INSCRIÇÂO AQUI!

https://www.meetup.com/pt-BR/aws-user-group-sp-interior/events/284120532/

Primeiro Meetup da OWASP SP em 2022 no Metaverso

Nesta quinta-feira, dia 03 de março, a OWASP SP proporcionará o primeiro Meetup no METAVERSO e Live. Com palestra de extrema relevância como sempre, sendo uma vez que o mundo vive uma crise no contexto de segurança da informação. Todo dia nos deparamos com um novos vazamentos de dados. Sendo assim, a propagação de conhecimento, proporcionará softwares e sistemas seguros minimizando esta crise.

19h00 : Tema: Bug Bounty, a Jornada atrás do Bug
Palestrante : Ricardo Martins

Palestrante

Nesta palestra veremos como funciona as plataformas de bug bounty. Assim exibindo algumas disponíveis no mercado, entenderemos o propósito das 3 melhores plataformas, como também o entendimento do cenário atual do Bugbounty. Apresentarei 2 tipos de sites geralmente utilizado neste processo e algumas falhas bem comuns de se encontrar. Executarei um exemplo de falhas geralmente encontrada em um formulário de criação de credenciais. Falhas como HTML Injection, No Rate Limit, No Policy Password, DoS e Cross-Site Scripting.

Mini-Bio: Mais de 850 Reportes, reconhecido nos top 5 melhores pesquisadores de segurança por 2 meses na categoria VIP Reports na plataforma Open Bug Bounty. Ranqueado no top 2 Mil na plataforma BugCrowd.No Hall Of Fame das empresas Telefonica, Vivo, iFood, Uber, Linkedin. Semi Finalista do evento capture the flag realizado pelo HackaFlag. Ja tendo reportado falhas a empresas como Banco Safra, Itau, Caixa Econômica Federal, Bradesco, Receita Federal.

https://www.meetup.com/pt-BR/OWASP-Sao-Paulo-Chapter/events/284185144/