Baseados em pesquisas e estudos com o Eduardo Neves (popularmente conhecido como ETH0) voltado ao segmento de análise forense de imagem. Chegamos a conclusão técnica, que ao utilizarmos o cálculo reverso referente a compressão progressiva da imagem, podemos obter quais regiões apresentam anomalias. Estas anomalias representam muito provavelmente alteração na imagem original, assim obtém um laudo sobre a veracidade de uma determinada imagem. Vale a penas ressaltar que esta técnica não apresenta efeito em qualquer padrão de imagem.

exemplo_001